buscar
´

Facebook é multado pelo Ministério da Justiça em R$ 6,6 milhões

O mundo da tecnologia recebeu a Justiça brasileira, a Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça (Senacom) multou o Facebook em R$ 6,6 milhões pelo compartilhamento indevido de dados dos usuários.

Notícias
5 meses atrás
Facebook é multado pelo Ministério da Justiça em R$ 6,6 milhões

Depois do caso do “escândalo da Cambridge Analytica”, onde dados de dezenas de milhões de usuários da rede social em todo o mundo, inclusive do Brasil, foram utilizados pela empresa de marketing digital para influenciar eleições e outros processos políticos, vários órgãos de vários países começaram a investigar o uso abusivo de dados dos usuários, o que deixou a plataforma em uma saia justa.

Ministério multa Facebook por abuso no compartilhamento de dados

Diante do escândalo, a Senacom abriu um procedimento administrativo para avaliar se teria havido dano aos usuários brasileiros da rede social. Depois de analisar o caso, entendeu que o Facebook incorreu em prática abusiva no episódio.

“Resta evidente que dados dos cerca de quatrocentos e quarenta e três mil usuários da plataforma estavam em disposição indevida pelos desenvolvedores do aplicativo This is your digital life para finalidades, no mínimo, questionáveis, e sem que as representadas conseguissem demonstrar eventual fato modificativo de que tal número foi efetivamente menor”, concluiu a Secretaria no processo.

Além disso, o processo indicou também que o Facebook não atuou corretamente na comunicação com os usuários no tocante às implicações das configurações de privacidade e na forma como desenvolvedores poderiam acessar e utilizar informações do usuário e de sua rede de amigos.

O escândalo alertou autoridades e usuários para os riscos da falta de proteção de dados pessoais. Além do Brasil, governos dos Estados Unidos e do Reino Unido também abriram investigações sobre o caso. No Reino Unido, o Facebook também foi multado. O presidente do Facebook, Mark Zuckerberg, e outros dirigentes da plataforma foram sabatinados nos parlamentos dos EUA e do Reino Unido. Na ocasião, Zuckerberg admitiu que a empresa falha no cuidado com a privacidade de seus usuários e anunciou algumas medidas.

*Com informações da Agência Brasil e Senacom.

USP cria respirador de baixo custo que poderá salvar vidas
O equipamento é composto de uma cúpula redonda de acrílico, por uma membrana de látex que se ajusta ao pescoço do paciente, uma almofada inflável sobre os ombros, e filtros...
O mundo está tendo enorme queda de poluição por conta da quarentena
A quarentena que o mundo está vivendo nos últimos meses não está sendo fácil para ninguém. O número de mortes vem subindo cada vez mais, familiares distantes e muitas...
Carros a gasolina e diesel poderão ser proibidos no Brasil
Daqui a 10 anos poderá ser proibida a venda de veículos novos movidos a combustíveis...
Reino Unido deixa a União Europeia
Após 47 anos de aliança, Reino Unido deixou oficialmente a União Europeia, a comemoração oficial aconteceu na praça do Parlamento, na zona central de Londres. Até o Big...
Veja como ter a restituição do Seguro DPVAT 2020
As regras para a restituição da diferença no pagamento do DPVAT já fora divulgadas pela Seguradora Líder, responsável pelo seguro obrigatório para danos pessoais, pago...

O Fusne é um site para quem ama internet, nós somos especializados em testar apps e tudo mais que envolve tecnologia. O que você vai encontrar por aqui é escrito por humanos, que vivem fazendo compras online, assim como você, então entende as suas dificuldades e felicidades nessas horas. O material do Fusne é testado várias e várias vezes pela equipe...